OPINIÃO || NOVE REGRAS A IGNORAR ANTES DE SE APAIXONAR - SARAH MACLEAN || @editoraarqueiro

13 de mar de 2017

Nove Regras a Ignorar Antes de Se Apaixonar - Sarah MacLean

Original: Nine Rules to Break When Romancing a Rake
Série: Os Números do Amor #01
Páginas: 384
Ano: 2016
Editora: Arqueiro
Encontre Aqui: Skoob, Amazon, Saraiva, Submarino.

"Aqueles nove desafios eram tudo o que se punha entre Callie e a vida. Só o que tinha que fazer era assumir o risco."




Olá madies, tudo bem? A resenha de hoje é sobre um livro muito fofíneo que apareceu na hora certa para mim. 

Em Nove Regras a Ignorar Antes de Se Apaixonar conhecemos Calpúrnia Hartwell, uma mulher de 28 anos que apesar de vir de uma boa família e ter um bom dote, nunca conseguiu se casar. É considerada como feia, pois não atinge os padrões de beleza da época, e por conta disso acaba se vendo distante seu sonho de conhecer seu príncipe e se casar.

Cansada de sofrer e ser deixada de lado nos bailes sem nunca ter conseguido aproveitá-los, ela decide criar uma lista com nove itens a serem feitos. São coisas que, por ser mulher, ela não poderia fazer; e assim ela entra nessa aventura para poder, enfim, começar a viver como sempre quis. Por conta dessa lista, o Marquês Gabriel St. John - sua paixão a anos - entra na sua vida, e juntos eles descobrirão que essas aventuras podem custar mais caro do que imaginavam.

"- É. Passei 28 anos fazendo o que todos à minha volta esperavam que eu fizesse... sendo o que todos esperavam que eu fosse. E é horrível ser a visão de outra pessoa a seu respeito." (p. 180)

Eu não consigo entender como demorei tanto tempo para pegar esse livro para ler. E se não fosse a resenha que li no blog Caos Feminino, seria mais uma história que continuaria pegando poeira na minha estante. Sarah MacLean criou uma história envolvente, leve e que ainda assim consegue te surpreender e encantar. O que eu mais curti foi que os personagens são reais, nos fazendo sentir mais próximos deles e de seus dilemas.

Callie é uma mulher forte, carinhosa e incrível, mas que nunca se deu o devido valor por não se enquadrar no padrão de beleza da época. E as coisas não melhoram quando sua irmã mais nova, Mariana, fica noiva. É aí que ela percebe que continuará solteira para sempre e se sente cansada dessa vida de julgamentos e pressões sociais. A lista é mais do que alguns itens a serem cumpridos, é uma chance dela poder se encontrar, viver intensamente e se arriscar.

Por conta da lista, ela vai atrás de Gabriel St. John, o homem que desde a sua apresentação à sociedade, vem povoando seus sonhos mais românticos. Ela acaba pedindo algo a ele, e por conta disso, eles acabam fazendo um acordo, que no início parece simples, mas que ao longo do tempo vai mudar a vida deles completamente.


Callie e Gabriel acabam se envolvendo (como se é de esperar), mas esse romance vai além do clichê, pois começamos a conhecer profundamente os dois e o quanto esse envolvimento vai mexer e modificar as suas vidas.

Eu me identifiquei demais com Callie, pois a pressão que ela sente por não se adequar ao padrão de beleza estabelecido é bem parecido com coisas que eu mesma passei. A frustração de não corresponder as expectativas, o medo de não ser boa o bastante e a baixa autoestima são alguns dos fatores que sempre a deixaram na defensiva. Mas eu me surpreendi pela mulher forte que encontrei por baixo de todas essas coisas. Callie tem vontade de viver, é astuta e inteligente, e o seu crescimento pessoal não passa despercebido para nós leitores.

Gabriel é um libertino incurável, que vive uma vida tranquila e sem amarras. A única família que tem é seu irmão gêmeo Nicholas e a ligação que os dois tem é muito especial (o que resulta em várias conversas afiadas e divertidas). As coisas começam a mudar quando eles descobrem que possuem uma meia-irmã. Gabriel é muito ligado a honra familiar e vai fazer de tudo para que sua nova irmã consiga se adaptar aos padrões de Londres. Ele é outro personagem que cresce demais durante a narrativa, e apesar de no início parecer fútil e egocêntrico, você acaba caindo de amores por ele.

"Tínhamos um ao outro, Gabriel. Ela não tem ninguém. Sabemos melhor do que qualquer um como é estar na posição dela; ser abandonado por todo mundo que você já teve... todo mundo que já amou." (p. 25)

Não posso deixar de citar outros personagens que são tão importantes para o desenvolvimento da narrativa como os nossos protagonistas. Me encantei com o jeito paternal do irmão de Callie, Benedick, que faz de tudo para sua irmã estar feliz, tanto que foi ele que a instigou a montar essa lista (algo que se arrepende depois). Sua outra irmã, Mariana, é jovem e cheia de vida, é nítido o amor que sentem uma pela outra, se apoiando sempre independente da situação. Os irmãos de Gabriel não ficam para trás. Nicholas é o oposto de seu irmão, é galante, fofo e gentil, cativando a todos com sua presença. A ligação que os gêmeos possuem é muito intensa e bonita de se ver. Juliana acaba entrando de paraquedas nessa família já tão desestruturada, mas vai ser uma peça fundamental no crescimento de Gabriel.

Esse é um livro que eu recomendo demais, principalmente se gosta de um bom romance de época com cenas picantes. Você acaba se envolvendo pelos personagens, as suas lutas, dilemas, paixões e se vê satisfeito com seu crescimento. É uma história que vai te envolver do início ao fim e te deixar alguns ensinamentos.


Sou péssima para indicar livros que eu gostei bastante, mas se você ficou pelo menos um pouco curioso para conhecer essa história, vai fundo. Pode parecer apenas um romance clichê, mas você vai encontrar tantas coisas legais aqui que vai valer a pena.

Espero que tenham gostado e caso já tenham lido, não deixem de comentar o que achou. Estou muito empolgada para conhecer as próximas histórias, que serão dos irmãos de Gabriel (o segundo já lançou e o terceiro sai em maio). Tenho certeza que será tão bom quanto esse.



Beijos e até a próxima

Me siga nas redes sociais
Facebook  Instagram  Twitter  Skoob  TVShow Time  Filmow  Deezer

26 comentários:

  1. Oi Gabriela.
    Sou apaixonado por romances de época, e esse livro me conquistou, apesar do clichê o enredo me chamou bastante a atenção, a estória parece ser maravilhosa, os personagens bem desenvolvidos, ela com certeza está atrasada para casar kkk.
    Fiquei super curiosa para reler, então fica tranquila você passou a mensagem. adoro essa capa e os personagens são maravilhosos.
    Bjs.

    ResponderExcluir
  2. Oi Gabi, esse livro também esta entre os meus favoritos, é uma história muito linda e é quase impossível não se encantar pelos protagonistas, alias como você citou os irmãos de ambos ao fim, acho todos os personagens muito bons, e como sei que os irmãos de Gabriel tem seus próprios livros, fiquei na vontade de ver uma história pra Benedick também :) O livro tem quase 400 páginas, mas é tão divertido, empolgante e cativante que senti passa rapidinho o tempo da leitura e quando dei por mim já tava no fim querendo mais. Acho essa capa muito linda também e amei a resenha, espero que como você foi inspirada por uma resenha de outro blog, a sua possa inspirar outras pessoas a ler, pois vale a pena ;)

    ResponderExcluir
  3. Muito amor envolvido por essa história e pela escrita da autora.
    Não consigo largar esse livro no momento da leitura, me prendeu e envolveu do inicio ao fim. Super me conquistou.
    História e personagens apaixonantes e super bem construídos.
    AMO romances de época e esse entrou na minha listinha de favoritos.
    Mal vejo a hora de ler os outros livros da série.
    Beijos,
    Caroline Garcia

    ResponderExcluir
  4. Até agora não li esse livro, mas me animou bastante agora. Acho que vou tentar pegar ele em breve então.
    É tão bom quando uma história consegue prender, apresentar personagens cheios de personalidade e coisas que a gente se identifica, se sente apegado ou simpatiza. Parece que tem muitos personagens assim na história. Não só os principais são bons, como também os secundários e eles tem um papel importante ali.
    E é gostoso acompanhar e esperar um final feliz para todos, que tenham um crescimento ao longo da história e ver as mudanças de cada um e etc.
    Acho que vou adorar esse livro ^^

    ResponderExcluir
  5. Oi, Gabriela!
    Romances de época assim têm conquistado diversos leitores e não nego a minha curiosidade em lê-los em algum momento, mas o que realmente me repele na grande maioria, como também parece ser o caso desse livro, é o teor mais sensual e picante do romance. Sou mais do estilo 'água com açúcar', jovem adulto e tal, então provavelmente não me agradaria com esses trechos em particular, mas fiquei sinceramente curiosa com o que você citou sobre as relações fraternais dos personagens parecerem tão bem desenvolvidas e firmes no enredo. Particularmente valorizo demais quando o autor dá real atenção aos personagens secundários e suas relações gerais com os protagonistas, e se, nesse caso, os irmãos e irmãs parecem tão unidas, já é um ponto mais que positivo mesmo. Ainda que eu não leia, valeu a dica mesmo assim, e parabéns pela resenha incrível! Espero que os próximos volumes continuem te conquistando e agradando tanto quanto este!
    Beijos!

    ♥ Sâmmy ♥
    ♥ SammySacional.blogspot.com.br ♥
    ♥ DandoUmadeEscritora.blogspot.com.br ♥

    ResponderExcluir
  6. Oi, Gabriela!
    Eu digo que esse livro foi a minha volta nos romances de época.
    Eu simplesmente amei esse livro, me identifiquei muito com a Callie e ele circula entre os meus romances favoritos.
    Benedick <3 Queria tanto um livro dele...
    Beijos
    Balaio de Babados
    Sorteio Literário de Carnaval
    Sorteio Três Anos de Historiar

    ResponderExcluir
  7. Olá, Gabriela! Apesar de não ter o costume de ler romances de época, eu até curto. Ainda não conhecia essa série e diante de tantos elogios, fiquei interessada. O q mais chamou minha atenção, lendo sua resenha, foi o excelente trabalho do autor na construção e desenvolvimento dos personagens. Acho que daria uma chance à leitura, com certeza.

    ResponderExcluir
  8. Olá, Gabriela!!
    Que linda o livro!
    Gosto muito do gênero romance de época, e esse livro é incrível, preciso muito dele para minha vida rsrsrs...
    Amei a resenha!!
    Abraço!

    ResponderExcluir
  9. OIEE,

    Gosto deste livro, mas confesso que gosto muito mais do livro do St John. Achei a Calpurnia meio chatinha ás vezes, mas nada que me fizesse desistir da história.

    Não sei se você sabe, mas essa série é predecessora da série O clube dos canalhas que a Gutenberg lançou.

    Beijos

    Fran

    Diário de uma Leitora Compulsiva

    ResponderExcluir
  10. Gabi!
    Gosto muito dos romances de época e até tenho esse livro aqui, entretanto, ainda não consegui fazer a leitura, mas espero fazê-la em breve, porque gostei muito do jeito da protagonista e de tudo que se passa no desenrolar da história.
    Só não gostei do nome: Calpúrnia? Fala sério!
    “Ouse saber!(Sapere aude)” (Immanuel Kant)
    cheirinhos
    Rudy
    http://rudynalva-alegriadevivereamaroquebom.blogspot.com.br/
    TOP Comentarista de MARÇO, livros + KIT DE PAPELARIA e 3 ganhadores, participem!

    ResponderExcluir
  11. Quero ler esse livro, deve ser bem divertido, essa historia das regras fiquei imaginando quais seriam, adorei saber que os personagens crescem durante a historia é muito bom quando isso acontece, ah e amei o fato dela não se enquadrar nos padrões de beleza, geralmente as mocinhas são todas belas. Concordo com a Rudynalva fala sério esse nome da protagonista não gostei rs.

    ResponderExcluir
  12. Oii! Estou doida pra começar ler a série, ainda não consegui pegar e nenhum livro acredita...Curto dmais esse gênero, por isso estou bem curiosa pra ler...
    Bjs

    ResponderExcluir
  13. Olá, o livro aborda indiretamente questões sobre os padrões de beleza, tema que nunca deixa de ser atual. Com personagens carismáticos e uma trama viciante a autora acertou em cheio. Beijos.

    ResponderExcluir
  14. Oi, Gabriela!
    Faz tempo que quero ler Nove Regras a Ignorar Antes de Se Apaixonar mas ainda não tive a oportunidade, curto romances de época e acredito que vou amar a história de Callie e Gabriel, gosto de mocinhas fortes e determinadas iguais a Callie, de personagens reais como ela e Gabriel, sem falar nas conversas afiadas e divertidas entre Gabriel e seu irmão gêmeo Nicholas.
    Abraços.

    ResponderExcluir
  15. Oi mana, esse é aquele livro que se desse eu levava ele pra todo canto e sai por ai mostrando e ainda dizia " Pelo Amor de Deus pessoa leia isso que você não vai se arrepender ", você já deu pra ver que esse livro tem um lugar bem pertinho do meu coração. Eu acho que quem ler esse livro e já sofreu um problema com auto-estima e expectativas não tem como não se identificar com a nossa Callie, ela explica exatamente como você se sente nesses momentos e foi isso o que mais adorei nesse livro, juro que já estava de coração partido quando ela esculto o que a irmã e o futuro marido falando. Eu não posso negar que em minha visão esse livro e perfeito e espero que muitas pessoas ainda venham a ler esse livro.

    ResponderExcluir
  16. Oi, Gabi!!
    Adorei a resenha!! Sou louca para ler essa série!! Já tenho o segundo livro agora só falta o primeiro que estou esperando chegar para começar a ler!!
    Beijoss

    ResponderExcluir
  17. To de olho em Sarah desde O Clube dos Canalhas, lendo resenhas ótimas e ficando cada vez mais curiosa. Amo histórias assim, com rotina, envolvimento, nada daquelas paixões loucas à primeira vista, e tudo isso recheado com situações e diálogos engraçados e romance, claro.
    Acho que todas já sofremos essa pressão de sermos "adequada" e me pego pensando se, na atualidade, com essa "liberdade" que temos, já é ruim, imagine séculos atrás.

    ResponderExcluir
  18. A capa do livro é linda, já vi este livro e sempre quis saber mais sobre ele. Confesso que agora estou com mais vontade de ler do que antes, ainda mais pela historia se passar em uma era medieval <3 Amo este estilo de livro, e quero muito ler.

    ResponderExcluir
  19. Oi Gabriela :)
    Eu lembro de ter começado a ler esse livro há alguns anos atrás quando aqui não era tão comum lançarem romances de época. Assim como você também me identifiquei muito com a Callie e sobre não se encaixar nos padrões de beleza. Faz muito tempo que não pego um histórico pra ler, mas confesso que deu uma vontade de relembrar essa história.

    Bjs

    ResponderExcluir
  20. Essa historia parece ser interessante, justamente por conta historia de mulher que não faz parte do padrão da época. E maioria dos livros de época trás mulheres lindas, maravilhosa, e de beleza diferente. Porém esse livro vai para caminho diferente, o que meu deixou bastante curiosa sobre ele. Ainda mais visto que ela tem um bom dote, coisa que muitos homens devem quero para aquela época.
    Muito legal como autora colocou Callie como uma mulher forte, apesar de tudo isso. Espero que Gabriel acabe dando o valor que ela tanto precisa, porém até muita poeira vai acontecer. Que bom que não deixou o livro de nada dessa vez, pois foi ótimo ter descobrindo esse livro hoje. Colocando na lista de desejos, claro

    ResponderExcluir
  21. Eu amo romances de época da Arqueiro!
    Estou doida para ler esse livro!
    É muito meu estilo.
    Gosto de mulheres fortes e determinadas!

    ResponderExcluir
  22. Oi!
    Adoro romances de época e esse foi o primeiro livro da Sarah MacLean que li e logo de cara ela conseguiu me conquistar de uma maneira que esse livro acabou sendo uma dos melhores romance de época que li, adorei essa historia e como a Callie nos conquista, achei também bem divertido essa ideia toda de lista e como cada desafio cumprido acabava dando mais confiança para a Callie !!

    ResponderExcluir
  23. Oi Gabriela!
    Acho que sou a única pessoa que ainda não foi totalmente picada pelo amor aos romances de época. Mas sua resenha desse livro me deixou encantada. Callie me pareceu uma mulher forte e eu gosto de protagonistas assim, Marquês Gabriel St. John também parece interessante, principalmente por ser um personagem que amadurece e cresce ao longo da trama. Espero poder ler esse livro em breve.
    Beijos!

    ResponderExcluir
  24. Oi Gabriela, tudo bem?
    Agora sou eu que estou perguntado como não li esse livro ainda! Eu adorei cada detalhe da história. O fato da protagonista ter decidido dar um ponto final e ir em busca da felicidade, das inúmeras gargalhadas que estou pressentindo que a história proporciona e é claro, esses acordos que sempre acabam em romance <3
    Vou correndo ver o preço do livro.
    Beijos
    Quanto Mais Livros Melhor

    ResponderExcluir
  25. Amei demais esse livro! Foi meu primeiro contato com romance de época e já de cara recebi algo que não é clichê (pelo menos pra mim, que não lê muito romance rs)
    Amei demais a Callie e sua personalidade forte, amei até mesmo o Gabriel apesar de ele ser mulherengo rs.
    Estou bem curiosa pelos outros dois livros, em especial o da irmã do Gabriel! <3 <3

    ResponderExcluir

Espero que tenha curtido a postagem! Volte mais vezes :D