OPINIÃO || A LISTA DE BRETT - LORI NELSON SPILMAN || @Verus_Editora

3 de nov de 2016

A Lista de Brett - Lori Nelson Spilman

Original: The Life List
Páginas: 364
Ano: 2014
Editora: Verus
Encontre Aqui: Skoob, Amazon, Saraiva, Submarino.


"Haverá outro céu, meu amor, é só esperar."




Olá madies, tudo bem? Para esse especial de aniversário do blog, trouxe um livro bem especial para mim, que me ensinou muitas coisas e me fez evoluir.

Brett Bohlinger acaba de passar por um dos piores momentos da vida: a morte da sua mãe. Depois de lutarem juntas contra o câncer, sua mãe e melhor amiga se foi e ela não sabe como vai lidar com sua vida a partir de agora. Enquanto ela e seus irmãos estão juntos para abrir o testamento de sua mãe, ela recebe outro baque: só poderá receber a sua herança se cumprir uma lista de sonhos que fez quando era adolescente. A partir disso, ela tem que mudar radicalmente a sua vida, para assim encontrar seu verdadeiro eu, algo que sua mãe achou que havia perdido. 

"- Não é verdade. Você tem opções. É isso que sua mãe está tentando lhe mostrar." (p. 109)

Vamos começar falando o quanto esse livro é bom. Ele traz uma carga emocional gigante e nos mostrar que para encontrar a felicidade não se precisa de muita coisa. Não sei se perceberam, mas ando em busca de livros que nos dão uma lição de vida, e foi isso que encontrei aqui. Aliás, eu encontrei muito mais.

Brett é uma mulher que faz de tudo pela mãe. As duas são amigas, companheiras e o alicerce de uma a outra. Eizabeth, mãe de Brett, é uma empresária bem sucedida e uma pessoa maravilhosa, e quando descobre estar com câncer, vai à luta com toda a força. E sua filha está lá com ela, em todos os momentos. Principalmente quando descobrem o quão grave a situação está e Elizabeth decide parar com o tratamento. 

Brett perdeu seu alicerce e não sabe o que fazer, e quando descobre que não vai receber a sua herança junto com seus irmãos, ela acha que não pode ficar pior. Sua mãe tinha um outro projeto para ela, a sua lista de sonhos, que ela nem lembrava de ter feito. Agora ela tem um ano para completar dez itens da lista e assim receber a sua herança. Mas para isso ela vai ter que rever muitas coisas de sua vida. Eu me encantei por Brett desde o início. Ela é determinada, apaixonada e tinha uma conexão incrível com sua mãe. Obviamente, ela surta um pouco por conta da lista, mas faz de tudo para conseguir cumprir esse último desejo de sua mãe. Brett amadurece de um jeito incrível, conhece e rever pessoas maravilhosas e a jornada que ela passa é inspiradora. 



Outros personagens são presença constante nessa jornada de Brett, entre eles Brad (o advogado de sua mãe), Shelley (sua cunhada) e é claro, sua mãe, Elizabeth. Eu amei esses três personagens e o jeito que cada um interagiu com Brett em todo esse tempo. Brad é encantador e a amizade que surge entre os dois é incrível. Sem o apoio dele, Brett não teria encarado o primeiro desafio da lista de sonhos. Shell é cunhada e amiga de Brett a bastante tempo. Bem humorada, ela sempre tem aquele conselho amigo, e isso é o que Brett mais precisa. Elizabeth é a melhor mãe que eu já li. Mesmo depois de morta ela ainda pensa no bem-estar da filha e com a lista a faz voltar a ser quem realmente é. A cada sonho cumprido, existe uma carta a ser lida, e a cada carta lida, temos a sensação de que Elizabeth está ali, ao lado de sua filha, lhe apoiando em cada momento. 

"É verdade. Sou uma pessoa de muita sorte. Mas há um limite para o que as fadas madrinhas podem fazer. Eu acho que cada um tem o poder de realizar os próprios desejos. Só precisamos encontrar coragem para isso." (p. 336)

A Lista de Brett me tocou bem lá no fundo, e me ensinou muitas coisas sobre a felicidade e os nossos sonhos. Por mais bobo que seja, aquele sonho é uma parte de você, e se você realmente quer aquilo, deve correr atrás. Quando crescemos, deixamos muitas coisas de lado, por conta da vida de adulto, e acabamos por nos distanciar da nossa essência. Sonhos mudam, assim como nós, mas às vezes, nós os deixamos de lado, por medo de mudar aquilo que já temos. Arriscar é difícil, mas necessário, e é aí que a sua felicidade se encontra.



Esse livro é mais do que recomendado. Ele é tão envolvente que eu o li bem rápido. Você acompanha o desenvolvimento de Brett e deseja que ela consiga realizar todos os seus sonhos, porque ela merece. Você ri, chora (até demais) e se encanta. Lori Nelson tem uma escrita simples e delicada, mas que te encanta a cada capítulo. Você se envolve de tal maneira que quando vai ver, metade da história já foi. A Lista de Brett é uma lição de vida, te dá um tapa e depois te conforta. Leiam esse livro e se apaixonem pela história, tenho certeza de que vai agradar muita gente. 

A edição está linda, com essa capa maravilhosa e uma diagramação fofa. Tem alguns erros de pontuação, mas nada que atrapalhe a leitura. O livro é todo atraente, o que deixa essa experiência mais especial ainda.

Espero que deem uma oportunidade ao livro e depois venham me contar o que achou. Foi a primeira vez depois de muito tempo que eu leio um livro logo depois de comprar, e foi uma experiência incrível. Li no momento certo e não me arrependi. E agora quero muito ler outros livro dessa autora, simplesmente me apaixonei.


Participe dos sorteios que estão rolando nas redes sociais (clique em cima da foto para ser redirecionado ao link do sorteio).

 



Beijos e até a próxima

Me siga nas redes sociais
Facebook  Instagram  Twitter  Skoob  TVShow Time  Filmow  Deezer

26 comentários:

  1. Awnnnnnnnn! <3
    Tenho muita vontade de ler esse livro.
    A capa é linda e a história parece ser mais ainda!
    Amei por causa que você disse que aprendemos algo no final.
    Amo livros com essas lições!
    Bela resenha!
    Bjãooooooo.

    ResponderExcluir
  2. Oi.
    Nossa que fofura de livro, eu simplesmente adorei a Premissa, verdade não é preciso muita coisa para uma pessoa seja feliz, perder sua mãe deve ter sido difícil para a personagem hem, enfim amei irei ler com certeza.
    Boa Tarde.

    ResponderExcluir
  3. Oi Gabriela, eu já tinha visto essa capa e achado ela fofa, mas não tinha parado pra ler sua sinopse ou uma resenha dele e eu amei a sua, acho que esse livro parece bem encantador e sensível e tenho certeza que quando tiver a oportunidade de ler vou derramar algumas lágrimas também. Livros que nos fazem refletir são mais que bem vindos na minha lista de livros que quero ler e já adicionei esse ;)

    ResponderExcluir
  4. Oi, Gabi. Eu li esse livros há um tempinho e não gostei muito do começo, até porque eu não estava familiarizada com o gênero. Eu gostei muito do desenvolvimento da Brett, claro que fiquei bem chateada com a mãe dela por privá-la da herança e do cargo que ela queria tanto para si, senti uma baita raiva dela por isso mas entendi que fora para o próprio bem de Brett. Assim como também Lori acabou nos levando a um livro cheio de lições, e o final que é completamente inesperado. Esperamos uma coisa e BUM!, ela muda completamente o rumo das coisas.
    Infelizmente, depois que li esse livro sofri uma baita ressaca literária, mas eu super recomendo.
    Beijo, Leitora Encantada

    ResponderExcluir
  5. Gabi!
    Desde o lançamento desse livro que tenho vontade de ler, primeiro por causa da relação da protagonista com a mãe e depois, porque fiquei curiosa em saber quais eram os sonhos antigos que ela tentará realizar agora, mesmo que sejam tolos. Todo sonho vale a pena de ir atrás para ser realizado.
    “A missão suprema do homem é saber o que precisa para ser homem.” (Immanuel Kant)
    cheirinhos
    Rudy
    http://rudynalva-alegriadevivereamaroquebom.blogspot.com.br/
    TOP Comentarista de NOVEMBRO com 3 livros + BRINDES e 3 ganhadores, participem!

    ResponderExcluir
  6. Já tinha visto alguém comentar o quanto esse livro é bom, não me lembro quem foi, mas desde então tenho ele no meu kindle. Não o li ainda, o meu momento certo para o ler ainda não surgiu, mas com certeza o irei ler um dia.
    Obrigado pela resenha.

    ResponderExcluir
  7. O livro possui um enredo muito bonito mesmo, essa relação de mãe e filha, e da preocupação da mãe com a felicidade da filha, mesmo depois de ela ter partido é comovente. Gostei muito da obra, no momento também estou precisado de livros assim, que encorajam. Ótima dica e resenha.
    Abraço!
    A Arte de Escrever

    ResponderExcluir
  8. Eu nunca fui do tipo de fazer listas... Achei bem interessante e fiquei intrigada se o que ela escreve na lista continua sendo um sonho ou não, já que ela nem se lembrava de ter feito. Parece emocionante a superação da morte da mãe e essa viagem de auto descobrimento

    ResponderExcluir
  9. Ual Gabi!! Já tinha lido algumas resenhas da obra, mas nunca tinham me tocado e despertado tanta vontade de conhecer mais de perto essa leitura...Amei!
    Lindas fotos!
    Bjs!

    ResponderExcluir
  10. Gosto muito de livros com cargas emocionais desse jeito, principalmente estes que trazem uma lição de vida para nós. Escritas simples e delicadas são uma delicia de ler, quando percebemos já chegamos ao final do livro em um piscar de olhos. Não conhecia, mas foi um prazer conhecer o livro pela sua resenha.
    Um abraço!

    http://paragrafosetravessoes.blogspot.com.br/

    ResponderExcluir
  11. Oi Gabi...
    Ganhei esse livro no ano passado, mas ainda não consegui lê-lo.... Acho a capa linda demais e me emocionei apenas em ler a sua resenha... Com certeza vou passar esse livro na frente de algumas leitura e me emocionar mais de perto com a história de Brett... E com certeza vou torcer muito para que Brett consiga realizar todos os seus sonhos. Depois volto aqui contando minha experiência com essa leitura...
    Beijinhos...

    ResponderExcluir
  12. Oi, Gabi!!
    Que livro mais lindo!! Adorei a indicação, a sua resenha foi super fofo!! A capa do livro é linda e a história cativa o leitor!! Quero muito acompanhar a Brett na sua aventura.
    Beijoss

    ResponderExcluir
  13. a historia parece ser muito fofa e delicada perder alguém muito querido é muito triste, mas achei bem legal a ideia da mãe assim ela terá que realizar seus sonhos que ficaram esquecidos e ver que tudo é possível, deve nos passar uma força e perseverança a historia.

    ResponderExcluir
  14. Oi, tudo bem?
    Não conheço a escrita da autora, mas por tudo que você comentou, percebe-se uma leitura com uma bonita mensagem e muito reflexiva. Espero ter a chance de ler.
    Sua resenha está muito bem elaborada. Obrigada pela dica.
    Beijos.

    ResponderExcluir
  15. Oi Gaby
    Já tinha visto outras resenhas positivas deste livro, mas como não consigo ler tudo que quero acabei não comprando este, mas tenho certeza que também iria gostar.
    abraços
    Gisela
    www.lerparadivertir.com

    ResponderExcluir
  16. Nossa, que amor! Durante a sua resenha corri pra verificar o preço dele na Amazon e já coloquei na minha lista de desejos. Me lembrou um pouco de P.S. Eu te Amo pelo cuidado de uma pessoa que estava prestes a morrer teve com quem deixaria para trás, mas se tratando de uma relação entre mãe e filha, é muito diferente. Já imagino a quantidade de lágrimas que eu iria derramar.

    ResponderExcluir
  17. Esse livro é maravilhoso mesmo! Nossa, me deixou com um sentimento gostoso no peito ao ler, aquela vontade de sair fazendo todas as coisas bobas que queria fazer quando criança ou simplesmente fazer coisas loucas porque dá prazer. De deixar o medo de lado e correr atrás do que quero...e perceber que a felicidade está nas coisas mais simples. Ele é lindo por isso. E deixa tantas mensagens, tanta coisa que a gente acaba aprendendo com a personagem. Vale a pena ler e é um dos meus favoritos *-*

    ResponderExcluir
  18. Oi Gabriela,
    Amei esse livro ♥ Sem dúvida, foi o melhor chick-lit que li esse ano.
    Também sempre busco livros que passam uma lição de vida, e esse me fisgou total e verdadeiramente, que história mais perfeita! Em alguns momentos senti que o livro foi escrito especialmente para mim, me identifiquei muito com algumas coisas e foi como se estivesse amadurecendo juntamente com a Brett. Essa protagonista me encantou completamente, a Brett é uma personagem apaixonante, foi muito inspirados acompanhar a sua jornada. O Brad também me encantou, deu vontade de ser amiga dele, quero um desses na vida real haha
    Indico muito esse livro para os meus amigos ;)
    Beijos

    ResponderExcluir
  19. que amorzinho!! ja vi varias resenhas sobre esse livro, e oq só aumenta a minha vontade e ler ele, eu amo chick-lit , e o livro parece ser muito bom, estou ansiosa para essa leitura, sem duvidas os nossos sonhos fazem parte de nós, e de quem somos, estou doida pra conhecer essa história <3

    ResponderExcluir
  20. É muito bom quando tiramos algum ensinamento do livro,pois torna a leitura mais prazerosa.Isso acontece em A Lista de Brett porque ao mesmo tempo que acompanhamos a evolução da protagonista nos colocamos em seu lugar e fazemos uma reflexão de nossas vidas.Beijos.

    ResponderExcluir
  21. Já estava querendo o livro faz um tempinho, e depois de ver sua resenha e descobrir que você não se decepcionou, ele entrou de vez para minha wishlist. Gosto muito de me envolver com personagens e amo quando os autores escrevem as histórias com sensibilidade.
    Meus parabéns pela resenha, está muito boa, assim como os quotes do livro
    Beijocas

    ResponderExcluir
  22. Oi, Ga!
    Achei tão linda sua resenha haha, esse livro já me ganhou só pela resenha, tô precisando ler um livro fofinho assim, já sei que irei chorar e torcer muito pela Brett, que parece ser uma personagem incrível. Essa capa está maravilhosa, achei bem legal a mensagem que o livro passa, espero ler em breve.
    Beijos Lendo Com Ela

    ResponderExcluir
  23. Puxa que livro chocante e linda ao mesmo tempo. Evito livros e filmes que falam dessa enfermidade, pois perdi minha mãe assim, porém esse livro me pegou. Quero muito ler esse livro e conhecer a tal lista que me deixou curiosa.

    ResponderExcluir
  24. Oi!
    Esse parece ser um livro bem profundo e ter mesmo uma grande carga emocional. Gostei da historia achei essa relação da Brett com a mãe bem bonita e principalmente o quanto uma significa para a autora, fiquei curiosa para saber mais sobre essa lista e com certeza essa parece ser uma historia linda !!

    ResponderExcluir
  25. Caraleo, achei esse livro muito pesado e dramático, adorei a resenha e a capa, parece as capas dos livros da Jojo Moyes, fiquei curiosa pra conhecer a lista, mas não tanto pra ler o livro, apesar da sua bela resenha, achei muito drama em cima de drama, não to preparada KK, quem sabe um dia eu leio em uma fossa KK.

    ResponderExcluir
  26. Já havia lido outras resenhas sobre este livro quando lançou e fiquei curiosa quanto a se Brett irá cumprir a lista no tempo determinado. Pela resenha pude ver o quanto o livro mexe com nosso emocional, sei que irei me emocionar quando ler, principalmente nas cartas da mãe dela.

    ResponderExcluir

Espero que tenha curtido a postagem! Volte mais vezes :D