OPINIÃO || QUILÔMETROS DE SAUDADE DE ANGÉLICA PINA

11 de mai de 2016



Quilômetros de Saudade - Angélica Pina

Páginas: 166
Ano: 2014
Editora: Giostri
Encontre aqui: Skoob | Amazon

*Livro lido em booktour





Olá madies! Como estão? A resenha de hoje é sobre um livro completamente fora da minha zona de conforto, mas que apesar disso, conseguiu chamar a minha atenção.


"Amor exige renúncias e mudanças. Exige que você se coloque no lugar do outro e, à vezes, até que você coloque o outro em primeiro lugar. Mas você só conseguirá fazer isso sem se anular quando estiver tudo certo com sua autoestima e seu amor próprio. Quando você entender que não deve se contentar com algo mais ou menos, mas lutar para conquistar o melhor que a vida tem reservado para você!" (p. 120)

Quilômetros de Saudade conta a história de Daniela, uma jovem mineira que tem uma vida muito boa. Namora um cara "perfeito" a mais ou menos dois meses, tem duas amigas (Letícia e Aline) maravilhosas e que estão sempre ao seu lado e um emprego que te faz muito feliz. 

Dani e suas amigas planejaram uma viagem para Natal, a fim de aproveitar as férias do serviço, que conseguiram tirar juntas. Serão uma semana em um lugar completamente desconhecido, para poderem curtirem da melhor maneira possível. Apesar de querer passar suas férias com seu namorado Jorge, Dani não desiste da viagem, pois é algo que planejaram a bastante tempo e que vai fazer muito bem a elas. Então, já morrendo de saudade de seu namorado, ela parte em sua a sua uma semana perfeita. Logo no primeiro dia, elas vão à uma boate e conhecem três rapazes (Fernando, Marcelo e Arthur), de cara Fernando e Dani se dão bem (principalmente porque eram os únicos do grupo que não procuravam relacionamentos) e a partir daí eles serão o guia delas pelos próximos dias. A partir desse momento, laços estarão sendo criados e que mudaram a vida deles mais a frente.


"É gostoso quando a gente encontra pessoas assim, de que a gente gosta de graça..." (p. 42)

Como eu disse no início do post, esse livro foge da minha zona de conforto, porque é um romance. Não sou chegada ao gênero, mas gosto de histórias que tratam sobre relacionamentos, e posso dizer que curti o que encontrei aqui.

Dani é uma personagem que eu gostei e não gostei ao mesmo tempo. Ela é independente desde nova, pois seus pais moram em outro país, e conseguiu se manter muito bem. É trabalhadora e mantém uma amizade muito linda com suas amigas, mas ao mesmo tempo é extremamente infantil e mimada, principalmente quando está com seu namorado Jorge. Achei-a imatura em diversos momentos da história, e apesar dela não ser tão velha, tem certas coisas que não dá para tolerar (no meu caso, ok!). O que não posso negar é o quanto curti do seu gosto musical e do fato dela ser apaixonada por livros, me fez garantir uns pontinhos a mais com ela.

O relacionamento dela com Jorge é completamente abusivo e me tirava do sério cada vez que ela se diminuía com as coisas horríveis que ele falava, e por ela achar que ele tem razão. Odiei ele desde o início, porque um namorado "perfeito" assim como ela descrevia, com certeza teria algo errado.

Já suas amigas são maravilhosas. Todas elas são bem diferentes entre si, e amei como uma completa a outra. Letícia é a mais centrada do grupo, pensa bastante antes de falar algo e dá ótimos conselhos. Aline é aquela amiga festeira que, enquanto não encontra o cara perfeito, se diverte imensamente com os errados. E a Dani é a romântica do grupo, acreditando no cara perfeito e felizes para sempre. 

Fernando é um cara extremamente fofo e dos três caras que elas conhecem é o único a manter contato com a Dani. Eles criam uma amizade bem bacana, mesmo a tantos quilômetros que os separam. Ele é atencioso, dá ótimos conselhos, ótimo gosto musical e divertido. O mocinho perfeito com suas imperfeições.



A história é cheia de altos e baixos no quesito de relacionamentos e foi o que mais curti. É bem realista ao mostrar que nem tudo e perfeito e que é errôneo imaginarmos que tudo vai ser do jeito que queremos ou imaginamos. A autora acertou em cheio nisso, e vale muito a pena tirar alguns conhecimentos a partir dessas situações.

É uma história que eu recomendo, mas que por ser bem diferente do que eu curto, não me tocou tanto. Ele é baseado em relacionamentos, decisões, apoios e até onde vale a pena ir atrás de um amor. É um livro lindo e principalmente real, o que te faz ter mais conexões com ele. Os personagens são bem característicos e é muito fácil se encantar com eles (ou odiar, no caso do Jorge). Estou bem curiosa para conferir o segundo volume, que vai tratar sobre a irmã do Fernando, a Gabi.

Não deixem de comentar se vocês já leram ou pretendem ler essa história. A escrita da autora é muito tranquila e fácil de ser lida, altamente recomendada. 


Beijos e até a próxima

Me siga nas redes sociais

21 comentários:

  1. Gabriela, sua resenha ficou maravilhosa! Gostei da forma como descreveu o livro e de como simpatizou com alguns personagens e com outros não, e de como encarou a leitura mesmo sendo de um gênero que pouco tem contato.
    Eu não conhecia o livro, mas achei interessante a história, mesmo me parecendo um pouco clichê, mas eu adoraria ter a oportunidade de ler, espero somente que seja em breve.
    Bjs!

    ResponderExcluir
  2. Sempre bom sair da zona de conforto, experimentar novos gêneros e autores..
    Amo quando um personagem de um livro gosta de ler, até me identifico, mas é nos momentos de imaturidade de um personagem que começo a odiá-lo, sem brincadeiras! O relacionamento dos personagens parece não ser nada bom, Dani parece baixar a cabeça para tudo, Dani é bastante sonhadora, acho que isso faz dela muito mimada, acreditando que tudo terá um final feliz e tal, fiquei querendo ler este livro, não tinha ouvido falar dele

    ResponderExcluir
  3. Gabi, esse livro também tá fora da minha zona de conforto. Não sei se pretendo ler, apesar da sua recomendação... Quem sabe mais lá pro final do ano, quando eu estiver de férias. ;)

    ResponderExcluir
  4. Oi !

    Não conhecia o livro, nem sua autora. Amei a premissa, acho ótimos livros que nos levam questionar uma situação ou outra. Já está na minha lista de leitura, até mesmo pelo fato, de eu apoiar a literatura nacional. Muito obrigada pela dica e sucesso para o blog!

    http://www.cristinadeutsch.org/
    Saudações literárias.
    Beijos no ♥
    CD

    ResponderExcluir
  5. Oi!!
    Eu não gostei muito da capa, simples e não chama a atenção. Achei interessante, não imaginava que iria me atrair, gosto de romances e só em saber que o livro é cheio de altos e baixos e reailista já me fez ficar com vontade de ler.
    Se tiver oportunidade com certeza darei uma chance a leitura.
    Beijão!

    ResponderExcluir
  6. Olá,

    Quando você começou a resenha eu pensei: aff vai ser aqueles livros tristes e clichês. Mas depois que você revelou um pouco mais sobre a personalidade do tal namorado perfeito e da própria protagonista também fiquei mais interessada na história. Vou colocar esse livro na minha lista para ler futuramente, pois por enquanto não estou muito ligada nos romances, mas essa com certeza parece ser uma história que vale a pena ser lida.

    Abraços
    colecoes-literarias.blogspot.com.br

    ResponderExcluir
  7. Amo romances principalmente o que tratam do relacionamento então fiqueI com vontade de ler, espero ter a oportunidade disto. - Joanna Amaro.

    ResponderExcluir
  8. Olá, acho que é um livro que eu gostaria de ler, por mostrar algo mais realista como você disse, me parece ser uma leitura leve, despretensiosa. Ótima resenha.

    ResponderExcluir
  9. Confesso que o enredo não chamou minha atenção, pois achei ele um tanto ''óbvio'' demais. Apesar de gostar de romances, acredito que a leitura não me prenderia tanto quanto eu gostaria, por isso não pretendo ler esse livro no momento.

    ResponderExcluir
  10. Oi, Gabi!

    Eu tinha me interessado pelo livro até você mencionar que a personagem é mimada e infantil. Ai, que preguiça! Detesto personagens assim.
    Agora já não sei mais se quero ler o livro... rs.
    Mesmo assim, a história parece boa.

    Beijos!

    ResponderExcluir
  11. Oi,

    Gostei da premissa desse livro, até não conhecia o mesmo. E confesso que fiquei bem curiosa para ler essa história. É legal quando o livro trata de romances "reais" e não perfeitos e fictícios. Não que esses não sejam bom, são, mas é bom quando tem um romance que faz ter os pés no chão.

    beijos

    ResponderExcluir
  12. Oii Gabriela, tudo bem?
    É um livro completamente também fora do meu conforto, quem sabe eu leria por curiosidade mesmo e saber como seria o desfecho dessa história que de alguma maneira despertou um certo interesse.
    eijinhos

    ResponderExcluir
  13. Não me interessei pela leitura não. Apesar de gostar de romances, e ter achado legal a presença das amigas dela no enredo, não tenho a menor paciência para esses relacionamentos abusivos, ainda mais se tratando de um namoro, que é algo mais fácil de terminar.

    Beijo.

    Ju
    Entre Palcos e Livros

    ResponderExcluir
  14. O Livro também seria um desafio pra mim, pois quase não leio tal gênero. Mas não quer dizer que seja ruim, só não é prioridade. Gostei da sua resenha, bem convincente. Certamente eu o leria.
    Abraço;

    http://estantelivrainos.blogspot.com.br

    ResponderExcluir
  15. Olá!
    Não me interessei tanto pelo livro, o gênero não é muito bem o que me agrada ultimamente.

    beijos
    http://ummundochamadolivros.blogspot.com.br/

    ResponderExcluir
  16. nunca li, mas já ouvi falar dele. acho que não leria porque tbm não curto romances, e esse me parece ser meio clichê... previsível... tem algumas coisas na protagonista que eu me identificaria, mas outras não... e a parte irritante dela poderia fazer com que eu odiasse a leitura como um todo... enfim...
    bjs...

    ResponderExcluir
  17. Vi várias divulgações sobre esse livro, mas é a primeira resenha que leio a respeito dele. Gostei muito de saber sua opinião. Acho que me agradaria! Embora você tenha levantado algumas ressalvas, não posso negar que me interesso por enredos assim, mais realísticos e menos fantasiosos. O tipo de enredo que revela "a vida como ela é". :) Mesmo assim, acho que ficaria irritada com os pontos de vista imaturos que você sinalizou, mas ao mesmo tempo esperaria um amadurecimento das personagens.

    Beijos!
    www.myqueenside.com.br

    ResponderExcluir
  18. Olá flor, não conhecia a obra e essa é a primeira resenha que vejo a respeito. Gostei bastante das suas considerações, mas acho que não é algo que eu leria no momento.

    Abraços

    ResponderExcluir
  19. Gabi
    Realmente o livro é faz mas o meu gênero do que o seu. Eu particularmente não gostei da capa, por isso nunca me chamaria a atenção para a leitura. Mas acho que vai ser interessante a mocinha sair de um relacionamento abusivo (assim espero), de qualquer forma não é algo que vou ler no momento.
    Abraços,
    Gisela
    Ler para Divertir
    Participe do Top Comentarista de Maio, serão 3 ganhadores e você ainda pode ganhar um livro a sua escolha.

    ResponderExcluir
  20. É tão complicado quando lemos algo fora do nosso estilo literário, porque ficamos mais críticos do que o normal e de alguma forma criamos uma certa antipatia pelo livro. Enfim, eu gosto desse gênero e apesar da premissa ser fraca, acho que daria uma chance pra ele.
    Abs
    Ni
    Cia do Leitor

    ResponderExcluir
  21. Gosto muito de romances, então esse livro é pra mim!
    Já li um livro com esse tema de relacionamento abusivo, mas senti que é diferente desse.
    Vai entrar para a minha lista de leituras!

    ResponderExcluir

Espero que tenha curtido a postagem! Volte mais vezes :D