OPINIÃO || Dinastia M do Brian Michael Bendis

8 de mar de 2016






Dinastia M - Brian Michael Bendis

Original: House of M
Páginas: 272
Ano: 2015
Editora: Panini
Encontre aqui: Skoob | Buscapé 






Depois desse pequeno hiato aqui no blog, volto para indicar um encadernado com mais uma das mais importantes histórias da Marvel. Se na vez passada eu falei de Guerra Civil, hoje falo de Dinastia M.

A leitura é um tanto complicada porque começa após os eventos de Vingadores - A Queda, então para um melhor entendimento é interessante lê-la antes (mas não é necessário e depois explico o porquê).

Aqui, vamos ver a luta que vai ser travada para decidir o destino de uma mutante e também  importante membro dos Vingadores (ou o que restou deles). Só que parte da jornada deles vai ser interrompida porque em um piscar de olhos todos os mutantes e heróis levam a vida que sempre sonharam. Principalmente os mutantes que praticamente dominam o mundo. Por isso a Dinastia M, dinastia Mutante. Só que nem todos se deixaram iludir por esse mundo ideal e perfeito; Wolverine ainda se lembra dos eventos de sua "vida passada" e sabe muito bem o que está causando isso, então esquematiza um plano para ir fundo a raiz do problema.

Dinastia M não é aquela história fácil de ser contada e não muito fácil para ser lida. Enquanto outras histórias podem ser lidas com um nível menor de conhecimento do universo Marvel, Dinastia M traz consigo o peso de um evento anterior (Vingadores - A Queda), diversas referências a eventos passados da Marvel. E, assim como Guerra Civil, esse encadernado só conta os eventos principais da história. Grandes eventos como Guerra Civil e Dinastia M são contados em praticamente todas as revistas mensais da Marvel. O que encontramos nesses encadernados é uma versão "resumida" do evento. É algo que só lendo para realmente entender.

A escolha que os Vingadores e X-men tem que fazer não é fácil, é visível a dor e a mágoa. Principalmente por estarem acumuladas devido aos eventos do passado. Aqui exploramos a fraquezas sentimentais dos heróis, seus sonhos mais profundos. Para alguns descobrir a verdade vai ser devastador.

O desfecho dessa história é algo extremamente poderoso, assustador e instigante. Vira totalmente o jogo (risos) e é algo que vocês precisam ler para ver. É... não posso falar nada, mas é gigantesco, inexplicável.


A arte do Oliver Coipel é bem competente e acompanha o nível que a história precisa para ser contada. Ainda que quase não nos atentamos a ela por estarmos completamente envolvidos no enredo, há momentos em que temos que parar para admirar as páginas duplas.
A edição do meu encadernado é a Deluxe da Panini. Ela inclui várias páginas de extras que são bem curiosos e interessantes. Para quem quer algo mais barato e que explica um pouco o contexto de Vingadores - A Queda, a edição da Salvat se sai melhor. Ela é sem extras e com o papel ligeiramente inferior, assim como acontece com Guerra Civil, mas é mais fácil para iniciantes. Outro motivo interessante para pegar a edição Salvat é que eles também publicaram Vingadores - A Queda, então vocês podem ler as duas histórias seguidas e aproveitar um bônus: A continuação da história, Dinastia M - O Herdeiro. Assim você pode ler começo, meio e "fim".

Mais um detalhe antes de me despedir e dar a nota: apesar da ordem de postagens aqui no blog, Dinastia M vem antes dos eventos de Guerra Civil, porém não há qualquer spoiler claro em Guerra Civil. A ordem não importa, mas seguir a cronologia é ideal.

Dinastia M é cercada por tragédia, é emocionalmente devastador para os personagens e no fim não há final feliz. Mais um vez nos vemos frente a frente do lado mais trágico do universo Marvel. Isso nos aproxima dos heróis, torna tudo mais palpável e orgânico.


Por hoje é só, mas já em breve estarei de volta e (espero) com histórias independentes e da DC comics para conversar com vocês. Aproveite para me seguir nas redes sociais e ficar sabendo do que estou lendo. 


Até a próxima!

9 comentários:

  1. Uau, pera, me perdi. Eu preciso me interar mais nesse universo, porque é tudo tão legal!!! Peba que não é tão fácil pra mim ter as HQs para ler tudo, se fossem livros seria mais acessível.
    Por isso acompanho mais os livros mesmo. De qualquer forma, seu post tá de arrasar! Parabéns!

    >> Vida Complicada <<

    ResponderExcluir
  2. Pensa num E.T. sobre assuntos 'Marvel'. Pensou? Pois é, sou eu!! Sei pouco ou praticamente nada sobre este universo, mas sou curiosa, acho que um pouquinho de esforço me faria ficar bem por dentro, rsrs. Dinastia M, Mutantes, Guerra Civil, encadernado, hehe, preciso me inteirar mesmo.

    Beijo, Vanessa Meiser - Retrô Books
    http://balaiodelivros.blogspot.com.br/

    ResponderExcluir
  3. Olá Gabriela,

    eu lembro que li essas HQ Dinastia M alguns anos atrás, é muito show, Feiticeira Escarlate/Wanda faz uma lenha danada nessa realidade. Eu acho muito legal essas HQ da Marvel, o problema que são meio caras, então não dá para ficar comprando. Adorei sua opinião, seu post. bjusss.
    www.sagaliteraria.com.br

    ResponderExcluir
  4. Oi Danilo, tudo bem?
    Adoro X-men, mas não conheço nada sobre a Dinastia e a Guerra Civil, nunca cheguei a ler esses quadrinhos. Mas lendo sua resenha a história parece ser bem intensa, gostei porque nos aproximaremos mais dos dramas dos nossos heróis o que os torna mais humanos. Se tiver uma oportunidade lerei com certeza. Sua resenha ficou ótima!!!
    beijinhos.
    cila.
    http://cantinhoparaleitura.blogspot.com.br/

    ResponderExcluir
  5. Oi!!
    Eu não sei porque, mas não consigo gostar dos mutantes, leio algumas HQs, mas as do X-men eu sempre fico longe.
    Eu tenho as 7 HQs da Guerra Civil e vou reler antes de assistir o filme, estou muito ansiosa pelo filme.
    Legal você trazer resenhas de HQs por aqui, é difícil de ver resenhas assim nos blogs literários.
    Tenho certeza que o marido já leu essa, ele coleciona e lê tudo que encontra principalmente dos Mutantes.
    Beijão!
    Lilica - O maravilhoso mundo da leitura

    ResponderExcluir
  6. Eu gosto de HQs, mas confesso que não sabia mais detalhes deste universo. Achei interessante o relato que você fez sobre a obra. deu vontade de ler. Tipo a resenha vai criando uma curiosidade. Gostei bastante da dica. Um abraço!

    ResponderExcluir
  7. Oi, tudo bem?
    Acredita que nunca li nenhuma HQ? Claro que tenho interesse, mas sempre fico enrolando para ler e comprar. Recentemente fiquei interessada em uma de O&P, que quero comprar e por isso deve ser a primeira que vou ler.
    Não conheço muito do universo da Marvel, apenas o que vejo nos filmes. Mas achei esta bem interessante.

    Beijos
    Leitora Sempre

    ResponderExcluir
  8. Olá, Danilo!
    Não sou muito fã desse tipo de história, não acompanho as histórias dos super heróis. Mas achei interessante a premissa desse livro que, apesar de ser difícil de ser lida, mostra um pouco das fraquezas de sentimentos e dos sonhos daqueles homens que parecem feitos de aço.
    Gostei muito da sua resenha!
    Abraço!

    Karla Samira
    http://pacoteliterario.blogspot.com.br/

    ResponderExcluir
  9. Uau!! Que encadernado incrivel. Amei e amei com muito amor mesmo. Eu amo as histórias dos Vingadores (mas assisto mais os filmes), e leio poucas HQS, mas essa chamou muito minha atenção.

    ResponderExcluir

Espero que tenha curtido a postagem! Volte mais vezes :D