OPINIÃO || Ligeiramente Casados de Mary Balogh

9 de fev de 2016






Ligeiramente Casados - Mary Balogh

Original: Slightly Married
Série: Os Bedwyns #01
Páginas: 288
Ano: 2014
Editora: Arqueiro
Encontre aqui: Skoob | Buscapé




Ei pessoas, tudo bem? A resenha de hoje é de um romance de época que com certeza me conquistou. Espero que gostem!

O coronel lorde Aidan Bedwyn recebe uma tarefa de um subalterno dele em leito de morte: que avise sobre seu falecimento pessoalmente a sua irmã, que lhe avise a não vestir o luto e o mais importante, que a proteja. Com isso Bedwyn parte para Solar Ringwood a fim de cumprir sua promessa. 

Evie Morris cuida da propriedade de Solar Ringwood desde que seu pai faleceu e enquanto seu irmão está na Guerra. Ela abriga criados que cuida como sua própria família, e é muito amada por todos, por ser sempre bondosa e afetuosa. Mas seu mundo desmorona quando recebe a notícia da morte de Percy, principalmente ao se dar conta da gravidade que isso trouxe a sua vida.

O pai de Evie em seu testamento deixa toda a propriedade para a filha, caso cumprisse uma clausura específica: deveria se casar em até um ano após sua morte, caso o contrário a propriedade ficaria com seu primo Cecil, que a odiava com todas as forças.

Para honrar a promessa que fez a Percy antes de sua morte, Bedwyn propõe um casamento por conveniência a Evie. Assim ela permaneceria com a propriedade, e nunca mais se veriam novamente. Só que ser um Bedwyn não era fácil, e a partir do momento que Evie começa a fazer parte dessa família, todo o acordo feito entre eles começam a dar errado. Obrigados a passar duas semanas juntos, muita coisa poderia mudar, inclusive mudanças de sentimentos. 


"Tenho tudo o que poderia desejar. Sou feliz como sou. Li em algum lugar que muitas vezes passamos a vida inteira procurando pelo que já temos. Sou uma das sortudas que tem consciência da própria sorte. Sei disso porque quase perdi tudo hoje". (p. 99)

Aidan Bedwyn vem de uma linhagem prestigiada de Londres, tendo muitas riquezas e cargos. Segundo filho de seis, passou boa parte da sua vida servindo ao exército, por isso se tornou um cara fechado e que pouco sorria, mas por trás de toda essa fachada tinha uma bondade sem tamanho, principalmente em questão da honra. Sua vida muda drasticamente quando conhece Evie, mas ele não vê outra alternativa de ajudá-la e poder cumprir com a promessa que vez ao seu irmão sem lhe propor casamento. Na sua cabeça tudo era muito simples, mas quando colocou o plano em prática, percebeu que esse casamento lhe exigiria mais do que queria dar. 

Evie Morris é uma pessoa encantadora, doou sua vida quase toda a cuidar de seu pai e de todos que estavam ao seu redor. Amava o seu irmão mais do que tudo, e quando soube de sua morte, sentiu que uma parte da vida tinha ido embora também. Ela não queria aceitar a proposta do coronel, mas não tinha outra alternativa que a fizesse manter a propriedade e seus empregados, que via como sua família. Mas se tornar Lady Aidan Bedwyn lhe trouxe obrigações que não queria, entre elas ter que passar duas semanas próximas a seu marido. Apesar de parecer pouco tempo, muita coisa poderia acontecer, coisas que não estava preparada.

Eu me encantei pelos dois personagens. Tão diferentes entre si, mas com um coração tão bom que é impossível não se encantar. Bedwyn pode assustar com sua carranca e seu porte austero, mas sua honra está acima de tudo, o que o faz tomar boas decisões. Evie é tão amorosa e se doa tanto pelos outros, que é bonito enxergar essa bondade que existe dentro de si.




Esse é o primeiro livro sobre a família Bedwyn e eu adorei! A família de Aidan é sem igual, cada irmão com sua particularidade. Apesar de ver pouco da família dele, adorei todas as partes que protagonizaram, me deixando mais curiosa ainda pelos próximos livros. Evie vem de uma família humilde, e mesmo assim a coragem que tem para conhecer o mundo do marido e se habituar a ele, mesmo que seja por apenas duas semanas, nos vai ver o tamanho de seu valor. 

É o primeiro livro que leio da autora e já me conquistou. Apesar de ser uma história que você sabe mais ou menos como vai acabar, é impossível não se encantar por todos e pela forma que amor surge aqui. Adorei poder ter a narração nos dois pontos de vista, porque gosto de saber o que cada um pensa. É uma leitura leve e rápida, fiz em um dia apenas. Recomendo muito para quem gosta de romance, principalmente os históricos.

Apesar de não ser um livro que aborda temas profundos, ele me tocou, principalmente em relação da construção do amor e de uma vida. Seja ela entre um homem e uma mulher, seja entre mãe e filho e entre a família, o amor que a autora aborda aqui é muito puro e me fez refletir bastante, me fazendo favorita-lo. Não consigo me recordar de nada que tenha me desagradado, em nenhum momento senti e leitura cansativa ou arrastada, então simplesmente leiam! 

É isso, espero que tenham gostado. Vocês já leram essa série ou pretendem ler? Não deixem de comentar aí. Eu me encantei por tudo, principalmente por Evie e sua família, e estou ansiosa para pegar as continuações. 


Beijos e até a próxima

Me siga nas redes sociais


11 comentários:

  1. Eu vi esse livro, acabei não levando, mas ADORO essas histórias de casamento por conveniência que você já sabe como vai acabar, haha. Acho que é um dos clichês que eu não consigo resistir!
    Sua resenha me deixou com vontade de ler, não costumo ler muitos romances de época e agora fiquei bastante curiosa!

    Beijos!
    Vestindo o Tédio

    ResponderExcluir
  2. Olá!

    Romances de época não são meus favoritos, mas fico feliz em ver que gostou do livro. Espero que consiga ler os demais volumes!

    resenhaeoutrascoisas.blogspot.com

    ResponderExcluir
  3. Ahh, amo romances de época. Principalmente quando eles são bem água com açúcar e com esses amores que vão se desenvolvendo aos poucos. Eu fiz história e sei que quase nunca bate com a realidade, mas se fosse para bater não seria um romance, né?
    Adorei a resenha, vou deixar esse livro na lista pra quando tiver precisando de um amorzinho na vida.

    Beijos
    Isabela Sena
    https://forasteras.wordpress.com/

    ResponderExcluir
  4. Oie, tudo bem?

    Eu não curtia muito romances de época, mas depois que me aventurei no meu primeiro livro, me rendi completamente a eles. rsrsrs Estou louca para ler essa obra e toda a série. Adorei a sua resenha, ela me deixou ainda mais curiosa!

    Beijos,
    Dai | Blog Cheiro de Livro Nacional

    ResponderExcluir
  5. Omg que resenha incrível. Mas confesso que não sou muito chegado em romances assim, mas esse deixou uma pequena curiosidade aqui, por ser um livro leve.

    Até mais, http://www.meninoliterario.com.br

    ResponderExcluir
  6. Olá, tudo bem?
    Primeiramente a resenha ficou sensacional e segundo preciso de dar os parabéns (não só pela resenha) mas por conseguir me deixar com vontade de ler um livro que não faz nada o meu estilo, sério, isso é para poucos, hahaha.

    ✩ Voando Sem Peter ✩

    ResponderExcluir
  7. Gabriela, ainda não li, mas quero muito ler essa série.
    Sou louca por romances e romances de época, então sou apaixonada.
    Achei os personagens apaixonantes e fiquei mais curiosa ainda.

    Lisossomos

    ResponderExcluir
  8. Sua Resenha me deixou com vontade de ler o livro rs.. e olha que nem sou tão fã assim de romances de época! Mais um para minha estante!

    bjs
    www.livrosdabeta.blogspot.com.br

    ResponderExcluir
  9. Olá,

    gostei muito da sua resenha, bem escrita e bem desenvolvida, entretanto não me deu vontade de ler o livro, acho que estou meio cansado do gênero romance de época, não sei ao certo, mas não quero ler no momento. www.sagaliteraria.com.br

    ResponderExcluir
  10. Ainda não vi uma pessoa que não foi conquistada por esse romance histórico. Infelizmente ainda não li nenhuma história sobre o gênero mas quero muito. Quem sabe não comece por esse?

    ResponderExcluir
  11. achei bem clichê, viu? já não curto romances, ultimamente até os de época vem me desanimando, e tendo um final que já dá pra sacar do que se trata - mesmo com a escrita fluida - não me anima a pegar o livro pra ler...
    mas que bom que a leitura foi agradável pra vc... ^^
    bjs

    ResponderExcluir

Espero que tenha curtido a postagem! Volte mais vezes :D